Cicatriz abdominoplastia: como fica após a cirurgia?

Uma barriga mais lisa e reta. Que mulher não quer ver isso na frente do espelho? Porém, uma das principais dúvidas das pacientes no consultório é como vai ficar a cicatriz da abdominoplastia.

Entenda neste post os tipos de cicatriz da abdominoplastia, quando clareiam e o que fazer para ajudar no processo.

Abdominoplastia: cicatriz é inevitável

A cirurgia de abdominoplastia é um procedimento que tem a finalidade de remover o excesso de pele e gordura, além de fortalecer o tecido conjuntivo enfraquecido do abdômen. É uma das cirurgias estéticas mais realizadas entre as mulheres.

Pode-se dizer que é um verdadeiro sonho realizado quando elas constatam após o procedimento que ganharam tônus muscular, além dos novos contornos. Por isso, essa cirurgia na barriga é muito buscada por quem passou por uma gravidez ou por uma grande perda de peso. 

Há 3 tipos de abdominoplastia: tradicional ou clássica, em âncora ou miniabdominoplastia. Em nenhuma delas, o objetivo é o emagrecimento, mas sim o contorno corporal.

Para quem está pensando em passar pelo procedimento, são diversas as dúvidas que podem surgir sobre a cicatriz abdominoplastia: vai ser muito extensa? Dá para disfarçar? É possível fazer tatuagem para cobrir cicatriz de abdominoplastia?

Em todo procedimento cirúrgico existe uma cicatriz, as pacientes terão que entender que a extensão dessa marca vai depender do nível de intervenção que o cirurgião precisará realizar: quanto maior for a retirada de pele, maior será a cicatriz.

Mas, independentemente da cicatriz, o resultado será bastante satisfatório porque o cirurgião vai moldar contornos bastante harmônicos ao abdômen.

No início, a cicatriz será mais grossa e visível, porém, com o tempo é possível perceber que a marca vai clareando e afinando. Para alguns pacientes, com o passar dos meses, vai sobrar apenas uma linha fina.

Além disso, a cicatriz horizontal fica na região púbica da paciente, portanto, dá para disfarçar, até mesmo quando se usa roupa íntima ou de praia e piscina.

No entanto, vale lembrar que as cicatrizes das pessoas não podem ser comparadas. Nenhuma cicatriz vai ficar igual a outra, porque cada paciente tem uma capacidade cicatricial diferente.

ebook mastopexia cirurgia para mamas flácidas

Como fica a cicatriz da abdominoplastia?

O  cirurgião plástico vai avaliar qual o trabalho que será necessário para o melhor resultado da abdominoplastia. Para isso, vai investigar a pele da caixa torácica total e da parte inferior do abdômen até a virilha. 

Para promover uma melhor aparência dessa região, serão realizadas incisões que vão facilitar a retirada de pele, gordura e deixar o abdômen bem liso. Em alguns casos, pode ser associada a uma lipoaspiração.

Haverá uma cicatriz de abdominoplastia que terá formatos diferentes, de acordo com o tipo de procedimento realizado:

Como são as cicatrizes de acordo com o tipo de abdominoplastia?  Abdominoplastia clássica: cicatriz horizontal de quadril a quadril; Miniabdominoplastia: cicatriz horizontal com extensão menor do que na abdominoplastia clássica; Abdominoplastia em âncora: a extensão da cicatriz será bem maior no formato de um T invertido.

  • Abdominoplastia clássica: neste tipo de cirurgia, é realizada uma incisão horizontal na parte inferior do abdômen, para fazer o descolamento da pele entre a linha do púbis e o umbigo. A incisão vai percorrer de quadril a quadril, além de uma pequena incisão ao redor do umbigo. Essa cicatriz será considerada de médio porte;
  • Miniabdominoplastia: é indicada para quem tem flacidez localizada apenas embaixo da linha do umbigo. A cicatriz desse procedimento também será uma linha horizontal, além da incisão do umbigo. No entanto, na miniabdominoplastia, a cicatriz terá uma extensão menor;
  • Abdominoplastia em âncora: esse tipo de cirurgia é necessária quando o paciente sofreu uma grande perda de peso e ficou com excesso de pele em ambos os sentidos da barriga. Em alguns casos, até sobra pele nas costas. A cicatriz de abdominoplastia em âncora será como um T invertido, portanto, terá uma extensão bem maior, para corrigir a flacidez em todas as regiões abdominais, tanto abaixo como acima do umbigo.

Quanto tempo demora para cicatrizar abdominoplastia? Quais os cuidados? 

O processo de cicatrização da abdominoplastia tem três fases: imediata (até o 30o. dia), período mediato (12 meses) e período tardio (entre 12 e 18 meses).

Assim, os cuidados da paciente no pós-operatório serão fundamentais para tentar ficar com uma cicatriz abdominoplastia perfeita no futuro. Por isso, é tão importante seguir as orientações do cirurgião plástico.

Esses cuidados começam já após a saída da cirurgia, quando o médico orienta que a paciente diminua a tensão sobre a cicatriz, por exemplo, andando um pouco curvada para não provocar o estiramento da cicatriz. O uso da cinta compressiva também vai ajudar nesse processo.

Há um cuidado também nos curativos realizados em casa: nas primeiras semanas, na fase imediata, enquanto a paciente ainda está com pontos, um cuidado é não ficar passando substâncias químicas no ferimento, mas apenas fazer a higiene e usar produtos que farão a hidratação do local, como vaselina.

Depois disso, orienta-se que a paciente não deixe a cicatriz em contato muito tempo com substâncias agressivas, como gazes embebidas com clorexidina. Então, depois que  passar o antisséptico, tire a gaze de cima da cicatriz e espere o produto secar para fechar.

Além disso, outros cuidados importantes se referem ao repouso. Logo após a saída da cirurgia, não é indicado que a paciente caminhe muito ou faça esforços físicos. Importante também é dormir de barriga para cima Esses cuidados vão evitar o estiramento das cicatrizes.

Outro conselho é não expor as cicatrizes ao sol por 30 dias. 

Como clarear cicatriz de abdominoplastia?

No período imediato, a cicatriz ficará bem pouco visível, vai aparecer apenas um corte, uma fina linha avermelhada. 

Já no período mediato, a cicatriz abdominoplastia, em 40 dias, começa a sofrer um espessamento natural, com mudança de coloração, indo para um tom de marrom. E enfim, vai clareando e afinando a partir do período tardio.

Quando tirar os pontos, as pacientes já podem começar a passar produtos que vão ajudar nesse processo e diminuir a possibilidade de formação de queloides (cicatrizes hipertróficas), como hidratantes com vitamina E e também alguns outros com substâncias clareadoras.

Além disso, também é possível fazer uma compressão na cicatriz com fitas de silicone ou fitas de corticóides, para estimular que a cicatriz fique mais fininha.

A cada consulta de acompanhamento, o cirurgião verifica como anda a evolução da cicatriz da abdominoplastia e indica o melhor procedimento para cada caso.

Caso evolua bem, o melhor recurso será o tempo mesmo próprio da cicatrização.

No entanto, se a marca começar a ficar mais grossa e com coloração mais intensa, outros recursos apropriados são os lasers ou peeling com ácidos para tentar clarear a cicatriz e melhorar a textura. 

# Dica do cirurgião

É bastante comum que as mulheres façam tatuagem na cicatriz de abdominoplastia para disfarçar as marcas. 

Em alguns casos, buscam desenhos que podem ser bastante extensos, como uma  tatuagem para cobrir cicatriz de abdominoplastia em âncora.

Essa prática não é proibida, porém, é necessário tomar o cuidado de só procurar esse recurso quando a incisão já estiver em um processo bastante avançado de cicatrização, ou seja, após 1 ano da realização da abdominoplastia.

Saiba mais sobre o que causa a queda das mamas:

Comentários

Posted by DR. RODOLFO OLIVEIRA