Para fins terapêuticos ou estéticos, é importante que as mulheres conheçam os tipos de prótese de silicone e suas indicações para cada corpo.

Tipos de prótese de silicone: você sabe qual é a ideal?

Seja para fins terapêuticos ou estéticos, é importante que as mulheres conheçam os tipos de prótese de silicone e suas indicações de acordo com o formato do corpo. 

Veja nesse post qual o tipo de prótese de silicone mais usada, e a que mais está adequada a cada biotipo.

Quais os tipos de prótese de silicone?

As mulheres são diferentes, não só nas suas formas físicas, mas também em suas aspirações em relação à própria aparência. Mesmo antes de passar por uma mamoplastia de aumento, muitas já têm uma expectativa em relação à silhueta que querem depois da cirurgia e nem sempre são as modelos e atrizes famosas, com corpos perfeitos, que vão ditar as suas preferências.

Se para algumas a ideia de colocar a prótese de silicone é tornar os seios mais projetados e sensuais, para outras, é uma questão de melhorar a autoestima depois de uma mastectomia (retirada dos seios após tratamento de câncer de mama). 

Embora a prótese vá conceder seios maiores, simetricamente mais harmônicos e firmes para todas as mulheres que optarem pela cirurgia, algumas não querem um destaque total para essa região do corpo

Ter peito com silicone não representa o mesmo objetivo para todas elas, umas querem mais naturalidade, outras mais sensualidade e outras mais discrição.

Ao optar pela colocação da prótese mamária, as mulheres precisam apresentar todas as suas expectativas ao cirurgião e esclarecer as dúvidas. Muitas vezes, a prótese que ela pensou em colocar, não será adequada ao seu tipo físico. Para isso, as consultas prévias serão essenciais antes da tomada de decisão.

As mulheres devem entender que antes de escolher os tipos de prótese de silicone, antes e depois vai fazer toda a diferença. Muitas vezes, ela pode querer uma prótese maior do que o seu biotipo pode suportar. Por isso, os esclarecimentos médicos serão fundamentais nessa escolha.

 Outro ponto importante que deve ser esclarecido é que nenhum dos tipos de prótese de silicone de mama vão proporcionar o levantamento do seio. Se a paciente também quer corrigir a ptose mamária (queda das mamas), ela terá que se submeter a uma mastopexia com prótese.

São vários os tipos de próteses de silicone para mama que podem atender ao objetivo de cada mulher e vão variar conforme formato, tamanho e perfil.

Tipos de prótese de silicone e formato  

Prótese redonda

Essa é a prótese mais utilizada para quem faz uma mamoplastia com fins estéticos. Esse tipo preenche bastante a parte superior da mama e proporciona formas mais arredondadas.

Quem opta por esse tipo de prótese de silicone vai ter o colo bem marcado, com decote bem mais volumoso.

Para quem essa prótese é indicada?

Mulheres que já tem um certo volume e, consequentemente, com tórax compatível ficarão muito bem com esse tipo de prótese.

Prótese cônica

Essa prótese é menor na base e projeta os seios mais para frente, que ficam com um formato mais pontudo no bico do seio. O colo fica menos marcado e com uma aparência mais natural.

Para quem essa prótese é indicada?

Esse tipo de prótese de silicone é muito indicada para mulheres que têm ombros mais estreitos, seios pequenos e um grau baixo de ptose (queda mamária).

Porém, o médico também vai avaliar se esse tipo não vai proporcionar uma aparência um tanto artificial para a mulher. Se esse for o caso, poderá ser indicada uma prótese redonda com perfil alto.

Prótese gota

Essa prótese também é conhecida como anatômica, isso significa que proporciona uma aparência bastante semelhante ao formato natural do seio.

Para quem opta por esse tipo, o volume maior do seio será na parte inferior. 

Para quem essa prótese é indicada?

Essa prótese costuma ser bem mais utilizada por pessoas que fizeram a reconstrução das mamas após uma mastectomia. Não é muito utilizada para fins estéticos, embora não seja descartada a possibilidade de acordo com a intenção da mulher.

Prótese de silicone: tipos e perfis

Além do formato das próteses, as pacientes também precisam conhecer os perfis que variam entre super alto, alto, moderado e baixo. Esse perfil é o que vai garantir o resultado final.

Hiper alto

Se a mulher tem tórax estreito, esse perfil será o indicado porque  vai permitir um colo marcado e bem elevado, mas com uma aparência menos natural.

Alto

A prótese terá uma base menor. Isso significa que vai aumentar a projeção do seio para frente. É indicado para quem já tem um bom volume. 

Moderado

Esse perfil tem base mais larga e aumenta a largura dos seios para os lados. A projeção também é pequena.

Baixo

Essas próteses serão mais baixas e também terão uma base mais larga. O resultado será uma mama com pouquíssima projeção.

Quais os tamanhos de prótese de silicone?

Uma boa parte das mulheres brasileiras gostam de tipos e tamanhos de prótese de silicone que garantam um destaque aos seios. Em geral, os tamanhos escolhidos ficam entre 150ml a 500ml.

Mas os padrões de preferência também mudam com o tempo. Se no começo dos anos 2000 preferia-se próteses maiores, atualmente, os modelos considerados médios, como a prótese de silicone de 350ml, são os mais procurados. 

Porém, hoje também cresce a busca por próteses ainda menores, de 200ml a 275ml. Esse comportamento reflete uma nova preferência por contornos mais esguios.

No geral, para que o resultado fique mais harmônico no corpo, os tipos de prótese de silicone de 150 ml a 250 ml são bastante indicadas para mulheres mais magras,  de estatura média ou baixa e com seios pequenos.

Já as mulheres de estatura média que querem dar um grande destaque aos seios, podem escolher próteses entre 300ml e 400ml.

Já para as mulheres mais altas, com biotipo maior e com seios pequenos, as próteses de 400ml a 500ml permitirão uma boa simetria para o corpo. 

Conclusão

Para chegar a um consenso com a paciente sobre os tipos de prótese de silicone para a mama, o cirurgião vai explicar os resultados possíveis para cada biotipo e coletar todas as medidas que darão mais embasamento à decisão, como tamanho do tórax, altura da paciente, volume dos seios, elasticidade e espessura da pele.

A equação de todos esses elementos, associado com as expectativas de resultados,  é que vão determinar o tamanho ideal de prótese para cada paciente.

Antes de decidir, vale que a paciente pense nos possíveis cenários e ter certeza do que espera.

Comentários
Avatar

Posted by DR. RODOLFO OLIVEIRA